Oi gente, tô passando para lhes dizer que vou fazer uma pequena pausa no meu blog. Aqui em casa a coisa não está boa. O eduardo continua com a perna imobilizada e para piorar está com uma traqueite (inflamação na traquéia, como uma amigdalite). A Sofia está doente outra vez, com febre e sem comer, acho que tem bronquite. O meu dedo continua inflamado. Amanhã de manhã vamos os três para o médico.

O tempo aqui está maravilhoso, com 23° de temperatura. Eu estou bem, apesar de tudo.

Voltarei assim que puder. Um beijo e fiquem com Deus.




Postado por: Herlaine às 14h33
| | envie esta mensagem



Aqui na Europa o horário de verão termina amanhã às três da madrugada. Nesta hora nós vamos diminuir uma hora nos nossos relógios. Ficaremos a três horas a mais que os estados que adotaram o Horário de verão no Brasil, teremos uma hora a mais para dormir. Mas para mim essa hora nova marca o início do que há de pior no inverno: a escuridão. A partir de amanhã, quando for três horas da tarde aqui, estará tudo quase escuro e em dezembro é tudo escuro mesmo e de manhã a luz aparece somente depois das nove. É muito triste.

Esse ano não sei bem como vai ser, pois o outono não chegou ainda. As temperaturas previstas para amanhã são de 23°, com sol. Espero bem que a claridade persista e o tempo fique mais alegre.

 

Le Soir

Então até amanhã, com horário de inverno. Beijos. Obrigada pelas visitas.




Postado por: Herlaine às 15h10
| | envie esta mensagem



A bruxa anda solta por aqui (deve ser por causa do hallowen). Ontem, o eduardo estava jogando badmington quando sentiu uma dor forte e rápida na perna, como um tiro. Teve uma distenção no músculo da batata da perna. Não pode andar, nem dirigir, nem trabalhar. Resultado, está em casa o tempo todo e sobrou tudo pra mim. Se eu fosse a Magda do Sai de Baixo estaria dizendo: "Tudo eu, tudo eu!".

Hoje começa as férias do "Todos os Santos". O nome faz alusão à data de 1° de novembro (dia de todos os santos). São duas semanas sem aulas nas escolas. Como terça-feira é feriado por causa dos santos, todo mundo faz a ponte e vira feriadão e na outra semana tem o armistício 11/11, que cai numa sexta-feira, vem outro feriadão. Todos viajam e a cidade fica vazia. Nós não vamos viajar esse ano, até porque o eduardo está impossibilitado, sem poder andar. Vamos ficar por aqui, o consolo é saber que o tempo está muito bom.

Para completar, aqui na Bélgica resolveram fazer greve geral outra vez. Hoje não há transporte público, tv, supermercado, escola, correio, etc. Mas não há trânsito nas ruas, para a minha sorte. Acho que as pessoas aproveitaram e partiram mais cedo para as férias.

As novidades que tenho são essas. Estou na correria. Um beijo e bom fim de semana.




Postado por: Herlaine às 14h24
| | envie esta mensagem



Três coisas insólitas que quero comentar com vocês:

uma jogadora da nossa selação se futebol só soube que estava grávida três dias antes do filho nascer. O pior é que não é o primeiro caso que conheço. Uma amiga do meu marido, há uns dez anos, sentiu vontade de fazer xixi, e quando chegou ao toilete, ficou surpreendida com um volume grande de água que saia de dentro dela, além de uma dor muito intensa na barriga. Chamaram bombeiros e umas horas depois nasceu um bebê, normal, com nove meses. Nem ela, nem o marido perceberam nada! Como é que pode???? Como uma pessoa pode ser tão displicente???? Não entendo.

Em frança tem um desodorante que garante eficácia de 48 horas!!! Fico pensando que um banhozinho de vez em quando vai bem. E isso não é tudo, aqui na Bélgica tem um shampoo que lava o cabelo à seco!!!! Muito prático, mas prefiro a boa e velha água, de preferência todos os dias. Lembra o tempo em que eu morava em Londres e as pessoas que alugavam quartos aos brasileiros cobravam mais caros porque eles "costumam tomar banho todos os dias". Não é verdade Janine????

No último fim de semana aqui na Bélgica aconteceu uma coisa no mínimo engraçada. O ministro da saúde cortou 1/4 do subsídio para os tratamentos dos gagos (você leu bem, gagos). Pois não é que essa categoria tem associação aqui??? Eles passaram o finde inteiro criticando o ministro, chamando-o de talibã, membro da kkk, o que há de pior só por causa da medida. Isso é típico de país que não tem com o que se preocupar, não é mesmo? Não tenho nada contra os gagos, mas existe coisas mais importantes para protestar, fala sério!!!!

Meu dedo continua dolorido e tenho dificuldade para teclar. Levo imenso tempo para terminar o post. Por isso não tenho comentado muito nos blogs que visito.

Beijos, beijos e beijos.




Postado por: Herlaine às 14h30
| | envie esta mensagem



Esta semana não estou nada bem. Tenho um panarício no meu indicador direito, que me impede de escrever, uma vezque utilizo todos os dedos para teclar. Já o estou tratando, mas é muito doloroso e precisa tempo para curar.

Tenho andado por alguns blogs e os comentários não estão sendo publicados, acho que o problema é do haloscan.

O tempo por aqui não está nada bom hoje, chuva, vento e frio. Tirei uma foto da minha janela da sala, espero que dessa vez apareça.

Dia de chuva, vento e frio

As previsões são de 21° a partir de sexta-feira. Só acredito vendo. Mas tenho esperança.

No mais tudo em paz, a família vai bem e eu também. Beijos, beijos e beijos.


 



Postado por: Herlaine às 11h11
| | envie esta mensagem



Como eu havia dito no post de sexta-feira, ontem fomos à Lille, em França. A viagem foi ótima e a cidade superou as minhas expectativas. O nosso objetivo principal era fazer compras, uma vez que aqui em Bruxelas nós não temos opções. Acho impressionante como é que uma cidade como bruxelas não tem comércio, nem shopping center. Nós estamos na capital da Europa e o poder de compra das pessoas que moram aqui é considerado alto, mas não há alternativa. No sábado o comércio fecha às 18 horas e no domingo não há lojas abertas, nem farmácia. Talvez seja porque a mão de obra aqui é muito cara, não sei.

Voltando a Lille. Uma cidade do interior com um comércio muito bom. Fiquei satisfeita, pude fazer umas comprinhas de inverno e os preços eram aceitáveis.

Tem duas coisas que quero destacar de lá: A primeira é o atendimento nas lojas. As pessoas são muito simpáticas, sempre com um sorriso, ao contrário daqui de bruxelas, onde os vendedores não sabem acolher os compradores. Aqui quando você diz ao vendedor: " Eu gostei dessa blusa você tem um número menor?" Ele responde: "madame, o que temos está exposto." Lá em Lille, quando eu não encontrava o meu número eles diziam que não havia mais, mas que tinha outra blusa parecida com meu tamanho. Ponto para Lille. A segunda: o tratamento com as crianças. Aqui as pessoas não gostam de criança e quando nós entramos na loja com carrinho de bebê eles pensam que nós vamos roubar a loja. Lá em Lille a sofia foi muito bem tratada, as pessoas faziam gracinhas, brincavam com ela, trataram-na muito bem enquanto eu fazia as compras.

Acho que esse comportamento dos belgas é cultural. Eles não sabem atender as pessoas com simpatia, falta acolhimento. Antes eu até achava que era preconceito, porque eu era estrangeira, até que observei que o tratamento era igual para os belgas e estrangeiros.

Ultimamente tenho falado mal dos belgas não é? Mas é a realidade, o que fazer? Mas fiquem sabendo que apesar de tudo isso eu adoro viver aqui e o dia que for embora vai ser muito triste, vou sentir muita falta de tudo.

Mudando de assunto.

Hoje é dia de referendo no brasil. O mundo inteiro está de olho nos resultados das urnas. Se tivesse direito a voto, votaria "sim" ao desarmento. É uma questão de consciência e princípios. Acho que quem vai ganhar na verdade são as agências de publicidade. Quem fez a melhor campanha leva o resultado. Uma tristeza.

Um beijo grande, fiquem com Deus e até amanhã.

P.S.: Tenho novidades no blog. Agora tenho comentários do Haloscan. Clique no comentário do lado esquerdo e verá. Agradeço a Nanda por tudo. Valeu!


 

 

 



Postado por: Herlaine às 10h56
| | envie esta mensagem



Para quem não conhece e ficou sem saber do que eu estava falando no post anterior, chicória é isso aí:

chicon, chicons, chicons au gratin, recettes endives, recette chicon, trucs, conseils
 
Em francês diz-se chicon ou endive, em flamengo, witloof. É um legume de sabor muito amargo, que quando se abre parece uma flor, pois tem a consistência de pétala de flor.
E aí está a famosa chicória gratinada:
 
 
 
 
 
Não dou a receita porque não tenho, mas não vale a pena!
 
Amanhã estamos planejando ir para Lille, cidade ao Norte da França, fronteiriça com a Bélgica. Dizem que lá o comércio é muito bom, então vamos aproveitar para comprar umas coisinhas para o inverno. Depois conto tudo.
Um beijo para todos e muitíssimo bom final de semana.
 
Bom apetite!



Postado por: Herlaine às 13h00
| | envie esta mensagem



Apetece-me falar de comida hoje. E como moro em bruxelas, vou falar da comida belga. Ilustro o post com um dos pratos mais típicos daqui, o waterzooi. Frango muitíssimo cozido, até desmanchar, sem nenhum tempero ou sal (eles usam muito pouco aqui). Os belgas enchem a boca d'água ao ver esse prato. E um dos meus maiores receios aqui é ser convidada para um jantar na casa de belgas e eles servirem essa "delícia".

 

Outro prato tradicional que faz crescer água na boca dos belgas é a chicória gratinada. Eu detesto chicória! E quando digo isso tem sempre alguém que diz: você não gosta porque nunca comeu uma bem preparada. Dispenso a dica. O churrasco é feito com uma carne com pouquíssimo sal e muito condimento vermelho, tipo colorau, depois, à mesa, adiciona-se muito molho, rosé, maionese, ketchup, etc. etc. argh!

Peço imensa desculpas aos belgas, mas a comida deles é intragável para um brasileiro acostumado com comida salgada, com um bom tempero, sem muito molho, a não ser de coco.

Uma vez fui convidada para jantar na casa de uma vizinha aqui do prédio. Estava com dois meses de gravidez, portanto uma época muito delicada. A entrada era uma chicória, dentro de uma taça, despetalada como uma flor e no centro tinha um molho de sabor horrível. Comi a primeira pétala, para ser educada, mas na segunda não desceu mais e tive que recusar o prato. O prato principal era um churrasco, feito numa churrasqueira elétrica que se punha em cima da mesa. A dona da casa pôs sal e pimenta em cima da chapa e deitou a carne em cima, foi a única vez que ela pôs sal. Daí ela ia alternando a carne, mas não colocava mais sal. Eu pedi um pouco de sal e ela e o marido olharam para mim e disseram: "sal!!??" Como se eu estivesse pedindo veneno. Tinha uma bandejinha com oito tipos de molhos diferentes para pôr na carne e eu recusei todos, não dava para engolir. Foi horrível. A única coisa que comi de jeito foi a sobremesa que era salada de fruta. Fico a vontade para contar essa história porque sei que essas pessoas jamais leriam esse blog, pois não sabem falar português. Peço desculpa mais uma vez pela indelicadeza, mas precisava ilustrar o post com essa história.

Acho que a melhor comida do mundo é a brasileira. Falo da comida típica, arroz, feijão, farofa, carne (sem molho, somente com sal), frango assado, peixe frito. Tudo com muito sabor. Aqui na Europa, a comida que mais gosto é a portuguesa, pois tem semelhança com a brasileira. A única vez que como realmente bem é quando vou a Lisboa. Além dos restaurantes brasileiros que tem lá por toda parte, a comida local é saborosa. Volto para a bélgica precisando de regime, o que não é muito difícil de fazer. Nem vou falar dos doces. Uma vez uma japonesa que estudava comigo e era da cidade de Sizuoka (tem muito brasileiro nessa cidade) disse que não gostava de doces brasileiros porque eles eram muito doces e eu disse que gostava justamente por causa disso.

É assim a vida e como dizem os belgas: "chacun ses goûts" (cada um com seu gosto) e isso não se discute.

 

Um beijo grande para todos vocês, até amanhã e fiquem com Deus.




Postado por: Herlaine às 15h15
| | envie esta mensagem



Existe um monumento aqui na bélgica erguido em homenagem à célebre batalha das tropas francesas de Napoleão contra as tropas aliadas lideradas pelo duque wellington. A batalha aconteceu em 18/06/1815, na cidade de Waterloo, que fica a 20 km de bruxelas. O monumento  consiste de um leão (bem inglês) posto em cima de um monte, as escadas têm mais de 200 degraus. O lugar é chamado de "Butte du Lion".

 

Além do monumento existe um museu de cera com personagens do episódio, lojinhas de souvenirs e todos os anos há uma encenação da batalha. Um lugar que vale a pena ser visto quando você vier à Bélgica. Bonito de se ver.

 

 

O frio já chegou por aqui, as temperaturas desceram um pouco e a tendência é diminuir cada vez mais, mas o sol continua, o que torna a vida mais fácil.

 

Um beijo para todo e até amanhã.



 



Postado por: Herlaine às 15h22
| | envie esta mensagem



Semana passada aqui na Bélgica uma adolescente de 13 anos deu a luz uma criança em seu quarto, sozinha. Após o parto a garota pegou o filho e jogou pela janela, a criança morreu na hora. Na casa dela ninguém percebeu que ela estava grávida, muito menos na escola e a gravidez foi de nove meses. Como é que pode???? Esconder a barriga durante nove meses???? E a mãe não notou nada???? A que ponto chegou a indiferença com os filhos!

Fiquei chocada com essa notícia, pelo conjunto dos fatos. Lamentável.

 

Em contrapartida a princesa Marie, da Dinamarca deu a luz a um principezinho (segundo na linha de sucessão)  na quinta-feira. Não tive acesso às fotos, mas deve ser uma gracinha. A Marie é neo-zelandesa e conheceu o príncipe herdeiro da Dinamarca nas olimpíadas da Austrália. Ele estava comemorando a vitória de uma competição no barzinho em que ela estava e ambos se conheceram, foi amor à primeira vista. Acho esta história muito bonita, parece conto de fadas. Pode até ser tudo mentira, mas faz a gente sonhar um pouco. Considero a Marie a princesa mais bonita dessa geração. Felicidades para ela e o seu bebê e viva a rainha!

 

Uma boa segunda para todos vocês. Beijos.




Postado por: Herlaine às 15h53
| | envie esta mensagem



Hoje nós fomos a um parque, tipo um zoológico, que fica aqui perto de bruxelas. Lá tem zebra, canguru, koala, hipopótamo, etc. Mas o que mais chamou a nossa atenção foi um cercado cheio de cabras de todos os tamanhos. A raça delas era comum, dessas que existe em qualquer lugar do brasil, mas o interessante é que a pessoa entra dentro do cercado e fica rodeado por elas, passando a mão, botando no colo. A sofia enlouqueceu e dizia o tempo todo: "leva pra casa, mamãe!"

Claro que registrei o momento e mostro para vocês.

 

Um beijo e até amanhã.




Postado por: Herlaine às 16h31
| | envie esta mensagem



The WeatherPixie Bruxelas
The WeatherPixie João Pessoa

.:: Outros ::.


Livro que estou lendo:
Memórias Póstumas de Brás cubas
Últimos cinco livros
que li:
Cem Anos de Solidão
-excelente-
Quase Tudo - Muito bom
O Doce Veneno do Escorpião -legal
- bom
Dom Casmurro - Muito bom
Equador - Excelente
.:: Histórico ::.

16/06/2006 a 30/06/2006
16/05/2006 a 31/05/2006
16/02/2006 a 28/02/2006
01/02/2006 a 15/02/2006
16/01/2006 a 31/01/2006
01/01/2006 a 15/01/2006
16/12/2005 a 31/12/2005
01/12/2005 a 15/12/2005
16/11/2005 a 30/11/2005
01/11/2005 a 15/11/2005
16/10/2005 a 31/10/2005
01/10/2005 a 15/10/2005
16/09/2005 a 30/09/2005
01/09/2005 a 15/09/2005
16/08/2005 a 31/08/2005
01/08/2005 a 15/08/2005
16/01/2004 a 31/01/2004

.:: Links ::.

Janine
Beto
thomoeda
UOL
UOL SITES
Google blogs
Rosana Hermann
Yahoo
Orkut
Leo Jaime
Voando pelo céu da boca
La vie en Belgique
Comunidade
Daily Pick
Nadia
Skynet
Bruxelles ma ville
Cantinho da Dinha
Histórias do Mundo
Le Soir
Brussels Life
Gerolino Incorporations
veronique
trabel
Célia - Suécia
Márcia - Irlanda
Meu fotolog

.:: Votação ::.

Dê uma nota para meu blog

.:: Indicação ::.

Clique aqui para me indicar


visitas

 .:: Comentários by ::.


Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

 .::Créditos ::.